POSICIONAMENTO ABEM – CORONAVÍRUS

Considerando a Missão da ABEM, estamos absolutamente envolvidos e comprometidos com os movimentos nacionais relacionados à pandemia do Coronavírus. Pelo que podemos acompanhar na grande mídia, nos desfechos internacionais, nas publicações oficiais e nos contatos com especialistas, os desafios são complexos e se relacionam à transmissão comunitária do vírus – já documentada e se expandindo na maior parte do país – e aos impactos educacionais, sociais e econômicos das medidas sanitárias de redução de danos.

Em sintonia com as práticas de educação e cuidado, acompanhamos as decisões das escolas médicas, com ênfase na graduação, em geral orientadas pelas normativas dos ministérios da Saúde e da Educação. Destacamos como essencial para nossas comunidades acadêmicas:

  • a redução de riscos e de danos com a suspensão temporária das atividades não obrigatórias ou eletivas; a reorganização curricular promovendo a antecipação do período de férias;
  • a dedicação de docentes em atividades relacionadas à educação da comunidade e dos usuários das unidades de saúde sob a corresponsabilidade da escola médica;
  • o cuidado com os alunos nos cenários de prática, em especial alunos do internato e residentes;
  • e a preservação da participação da escola médica por meio de seu corpo docente e de preceptores nas ações diretas de cuidado à população.

As instituições de ensino devem estar atentas ao desafio de validar as eventuais atividades de educação a distância, considerando a Portaria MEC 2.117/2019, que exclui os cursos de graduação em Medicina da ampliação da carga horária permitida de 20% para 40%, revogando a Portaria MEC 1.428/2018.

Compreendendo que somos modelo a partir de nossas práticas, reorganizamos agendas na ABEM para ampliar reuniões virtuais e definimos o cancelamento de eventos previstos para os próximos 15 dias, como a Oficina dos Consórcios do Teste de Progresso. Também acionamos nosso Conselho de Administração, promovendo a reflexão sobre os próximos Congressos Regionais, previstos entre o período de 1º de maio e 15 de junho, e propusemos ações preventivas na Secretaria da ABEM para o cuidado de nossos colaboradores.

Permaneceremos atentos, conectados com a comunidade de educadores e educandos e disponíveis para as necessidades que surgirem no âmbito da dinâmica desta epidemia em nosso país.

Conheça a ABEM

Notícias Recentes

A Abem também se vacina

André Abreu Jr., diretor médico residente da Abem, foi o primeiro membro do Conselho Diretor da entidade a ser vacinado. Iniciou-se nesta quarta-feira,…

ver notícia >